segunda-feira, 20 de março de 2017

Opinião - A Cidade das Ilusões

Ficha Técnica:
Autor: Ursula K. Le Guin
Título Original: City of Illusions
Série: Hainish Cycle
Páginas: 248
Editor: Livros do Brasil
ISBN: ?
Tradutor: Raul de Sousa Machado

Sinopse:
Sozinho numa floresta densa um homem estranho com olhos grandes, a iris cor de âmbar, oval, ocupando todo o branco do globo lembrava os olhos de um gato; coberto de lama e esterco, arranhado, com o corpo nu enleado na vegetação da floresta, o homem tinha a pele mais clara do que os que à sua roda discutiam o acontecimento, enquanto ele se encolhia do sol e tremia de exaustão e medo. Era um homem adulto, sozinho, sem rasto, sem memória, com um olhar que não era humano. Os seus olhos não eram humanos. Os habitantes da floresta, espalhados pela terra, pequenos agrupamentos isolados vivendo num estado de semibarbarismo, nada sabiam da idade de ouro da Liga dos Mundos.

Opinião:
Finalemente! Passado tanto tempo em angústia finalmente consegui ler o último livro do Hainish Cycle publicado em português. Último porque era o único que me faltava ler, o mais difícil de encontrar. E a espera valeu a pena. Adoro ler Le Guin, os mundos criados por ela, a maneira como as histórias se encaixam e como determinados povos se cruzam em diferentes livros, fazendo ligações que não estávamos à espera.

Mas mais que isso adoro o modo como a autora nos pretende transmitir determinados conhecimentos, nos pretende fazer pensar acerca do nosso comportamento. Os seus livros são lições subtis acerca da maneira como vemos o mundo e de como lidamos com ele. O preconceito para com os outros, o medo da mudança, a irracionalidade perante o que é diferente e inesperado. O modo como a nossa força de vontade é algo soberbo e de como por mais conhecimentos que tenhamos a verdade é que nunca sabemos tudo. Podemos ser enganados, iludidos por aquilo em que é fácil de acreditar, mas isso não interessa se estivermos dispostos a experimentar, a trilhar o mesmo caminho que os outros, se simplesmente nos dermos ao trabalho de questionar e de não seguir cegamente aquilo que nos tentam impingir.

É para mim difícil falar dos livros desta autora devido a tudo aquilo que podia ser dito. Os personagens são fascinantes, a história é cativante, e todas as nuances e questões que a autora nos coloca indirectamente deixam o leitor a pensar mesmo depois de o livro ser dado como terminado.

Assim sendo foi uma leitura que me encheu as medidas e que me deixou bastante satisfeita. Tenho definitivamente que ler mais obras da autora visto que até à data apenas li a série Terra Mar e esta.

terça-feira, 7 de março de 2017

Opinião - Fire in You

Ficha Técnica:
Autor: J. Lynn, Jennifer L. Armentrout
Série: Wait for You, #6
Páginas: 360
Editor: Jennifer L. Armentrout
ASIN: B01L7S96W6

Sinopse:
From the # 1 New York Times and International bestselling author, Jennifer L. Armentrout writing as J. Lynn, comes a richly moving story about heartbreak and guilt, second chances and hope. Full of familiar, fan-favorite characters and no two people more deserving of a happy ending, Fire In You will burn bright beyond the last page…

Jillian Lima’s whole world was destroyed in a span of a few hours. The same night her childhood love, Brock ‘the Beast’ Mitchell, broke her heart, her life was irrevocably altered by the hand of a stranger with a gun. It takes six years to slowly glue together the shattered pieces of her life, but Jillian is finally ready to stop existing in a past full of pain and regret. She takes a job at her father’s martial arts Academy and she’s going out on her first date since a failed relationship that was more yuck than yum. Jillian is determined to start living.

She just never expected Brock to be a part of her life again. But he’s firmly back in her life before she knows it, and not only is he older, he’s impossibly more handsome, more teasing and more everything. And when he sees Jillian, he’s no longer capable of thinking of her as the little girl who was his shadow growing up or the daughter of the man who gave him a second chance at life. He sees the woman who’d always been there for him, the one person who believed in him no matter what.

Brock knows she’s the one he should’ve made his, and what begins as a tentative friendship quickly turns to red-hot chemistry that sparks a flame that burns brighter than lust. Falling for Brock again risks more than her heart, because when the past sorrow-filled and guilt-ridden past resurfaces, and a web of lies threatens to rip them apart, the fallout could lay waste to everything they’ve fought to build together, and destroy the dreams of those they care most about.

Opinião:
Esta é uma daquelas autoras que sempre que sai um livro não me demoro muito até lê-lo porque já sei que vou gostar daquilo que vou ler. Infelizmente desta vez fiquei um pouco decepcionada com aquilo que li. Tanto a Jillian como o Brock já eram conhecidos dos livros anteriores, mais o Brock que a Jillian. Foi um choque saber que este livro se passa cerca de 6 anos depois do livro da Steph. Não estava à espera deste salto temporal até porque achei que não se justificava propriamente.

É verdade que conforme a autora explica existe uma diferença de idades de 6 anos entre os protagonistas, mas não me senti convencida quanto a isso ser um impedimento para que a relação deles se tivesse desenvolvido mais cedo. Se não me engano na altura do livro da Steph a Jillian já á maior de idade e uma diferença de 6 anos de idade não me parece algo de extraordinário.

Tirando essa parte também fiquei um pouco desiludida pela forma como a relação entre o Brock e a Jillian evoluiu. Depois de tudo aquilo pelo que a Jillian passou achei que foi muito fácil para ela deixar o Brock voltar a entrar na sua vida. Ao mesmo tempo senti que as relações actuais entre a Jillian e determinados personagens não está muito bem fundamentada, pelo que achei que foi criada um pouco a martelo para podermos ver o que se passa na vida dos outros personagens. Isso chateia-me? De certo modo, mas não posso deixar de admitir que adorei ver em que ponto estavam as relações dos diferentes casais e o modo como estas evoluíram.

A Jillian foi sem dúvida aquela que mais cresceu e que mais teve que ultrapassar ao longo da narrativa. O Brock essencialmente andava a apaparicá-la e atrás dela para a conquistar, e toda essa atenção acabou por a tornar mais confiante. Contudo desde o início que é possível ver que a Jillian quer verdadeiramente mudar, quer mais para a vida dela e que se esforça para conseguir atingir os seus objectivos e ultrapassar os obstáculos que lhe vão aparecendo.

A maior surpresa para mim está relacionada com a Katie, até me caiu o queixo ao chão quando a autora nos presenteia com a bomba. Fiquei com tanta vontade de saber mais! A autora podia escrever uma espécie de novela acerca dela, nem que fosse só para nos dar um gostinho.

Enfim, um livro que apesar de me ter decepcionado não deixou ao mesmo tempo de executar a sua função, ser fofinho e entreter.

quarta-feira, 1 de março de 2017

Novos na Estante (da Rita) #12 - Fevereiro de 2017


Olá, olá! Finalmente consegui pôr o Novos na Estante em dia, *yay!*
Vamos ver se daqui para a frente me continuo a portar bem...
Então, curiosos para saber as novidades que cá chegaram no mês de Fevereiro? Aqui vão elas!

Este mês, por nenhuma razão em especial, foram só compras em inglês.
- Consegui encontrar um bom exemplar de The Hollows Insider de Kim Harrison. Para quem é fã da série Hollows este parece ser um livro super interessante. É todo a cores, ilustrado, com descrições de personagens, seres fantásticos, feitiços, etc, etc.
- The Rose & The Dagger de Renée Ahdieh é o segundo volume da duologia  The Wrath & the Dawn, um retelling das Mil e Uma Noites.
- The Bone Season e The Mime Order de Samantha Shannon são o primeiro e segundo volumes da série The Bone Season. Tive a sorte, não só, de os conseguir comprar a um preço excelente, como ainda tive a surpresa de receber o primeiro livro autografado.


- Um livro que não podia faltar na minha estante em Fevereiro era King's Cage de Victoria Aveyard. O tão esperado terceiro volume da série Red Queen.
- Into The Woods é mais um livro de Kim Harrison que me chegou às mãos. Desta feita tratam-se de vários contos passados em Hollows e não só.
- Por último, temos Rebel of the Sands de Alwyn Hamilton, um livro que já tinha debaixo de olho há imenso tempo e que finalmente veio cá parar a casa por menos de 5€.

Pronto pessoal, foi isto o meus mês de Fevereiro no que toca a aquisições. E por aí, quais foram as novidades nas vossas estantes? Já leram ou querem ler algum destes livros? Contem tudo, que por aqui gostamos de saber :)
Por agora me despeço e para o próximo mês cá estarei novamente, com um novo post, para vos mostrar mais novidades. Até lá, boas leituras!

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Novos na Estante (da Rita) #11 - Dezembro 2016 & Janeiro de 2017


Olá a todos! Cá estou eu novamente, a actualizar esta rubrica de que tanto gosto, de modo a cumprir com o prometido.
Desta vez vou mostrar-vos os livrinhos que recebi no decorrer dos meses de Dezembro do ano passado e de Janeiro deste novo ano.

Mês de Dezembro


Ao longo de Dezembro fui comprando umas coisinhas:
- Seis mangas, um tipo de leitura que já sabem que muito aprecio e que pelos vistos andava um pouco atrasada na sua aquisição. Desta vez os que vieram cá para casa foram o volume 4 de Kenshin, O Samurai Errante, os volumes 3 e 4 de Tokyo Ghoul, os volumes 5 e 6 de Assassination Classroom e o volume 10 de Blue Exorcist. Todos eles muito boas leituras.
- Devido a uma promoção que estava a decorrer no Continente, comprei a metade do preço Amor Cruel de Coleen Hoover, uma autora que tenho curiosidade em experimentar e A Prova de Ferro de Holly Black e Cassandra Clare.
- De modo a aproveitar uns descontos no site da Saída de Emergência, comprei, como não podia deixar de ser, Jardins da Lua de Steven Erikson e Visão de Prata de Anne Bishop. E escolhi de oferta O Cavaleiro de Westeros e outras histórias do sr. Martin. 
Como estávamos na altura do Natal a SdE resolveu oferecer também aquele pequeno livrinho chamado A Arca de Natal


Para fechar com o mês adquiri os últimos volumes da série Sandman de Neil Gaiman. Portanto os volumes de 9 a 11.







Mês de Janeiro

O mês de Janeiro foi um mês muito contido, no qual só recebi dois livros:
- Redimida das Cast, para arrumar finalmente com esta série que me faz sentir masoquista ao insistir em ler. Mas pronto, já só falta este 12º volume. Ufff! (Estava com um grande desconto na Fnac, tenho desculpa).
- Three Dark Crowns de Kendare Blake, um livro que já tinha ouvido muito falar por aí, sobre três reinos, três irmãs rainhas e a luta pelo trono. 

E pronto, caros leitores, estas foram as minhas aquisições dos meses de Dezembro de 2016 e Janeiro deste ano.
Dentro de mais uns dias, cá estarei com um novo post, para vos mostrar as novidades de Fevereiro. Até lá, boas leituras!


domingo, 26 de fevereiro de 2017

Novos na Estante (da Rita) #10 - Outubro & Novembro de 2016


Olá, olá pessoal! Nunca mais vos dei novidades nesta rubrica do "Novos na Estante", Shame on me! Mas, como se costuma dizer, mais vale tarde do que nunca e conto pôr tudo em dia durante a próxima semana.
Para não se tornar cansativo, vou juntar os meses em atraso dois a dois e vou tentar ser mais sucinta, de modo a conseguir chegar mais depressa ao tempo presente. 
Sem mais delongas, vamos lá a isto!

Mês de Outubro


No mês de Outubro as compras não foram muitas.
Comecei a adquirir semanalmente os livros da famosa série Sandman de Neil Gaiman, que saiam com o jornal Público. Neste caso, como podem ver na imagem ao lado, tratam-se dos volumes do 1 ao 4.

Consegui finalmente a bom preço a hardcover de Fire Touched de Patricia Briggs, o último livro publicado da série Mercy Thompson; e também The Hart of Betrayal de Mary E. Pearson, o segundo volume da trilogia The Remnant Chronicles.

Mês de Novembro

No mês de Novembro as comprinhas também não foram muitas: 
- Consegui Den of Wolves da minha querida Juliet Marillier a um preço fantástico no Book Depository. É o terceiro volume da série Blackthorn & Grim.
- A Million Worlds With You de Claudia Gray é o terceiro volume da série Firebird, da qual ainda não consegui ler livro nenhum. Mas sempre achei as capas fabulosas e a história apelativa.
- Continuei a adquirir semanalmente os vários volumes da série Sandman de Neil Gaiman, desta vez do 5 ao 8.
- E por último comprei mais duas graphic novels de séries que tenho vindo a acompanhar e que acho que valem muito a pena: Saga volume 5 e Tony Chu volume 5. 

E pronto, caríssimos, estas foram as minhas aquisições dos meses de Outubro e Novembro do ano passado.
Dentro de pouco tempo, cá estarei com um novo post, para vos mostrar mais novidades em atraso. Até lá, boas leituras!